Audiência Pública debate transporte em Macaé

2019-04-12 12:33:00 - Jornalista: Julie Silveira
Compartilhe:  
pessoas em pé dentro de um auditório
Foto: Maurício Porão
Encontro aconteceu nesta quinta-feira na Câmara dos Vereadores

Em Audiência Pública realizada nesta quinta-feira (11), na Câmara dos Vereadores, a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana apresentou projeto que visa a melhoria do Transporte Público Municipal. Novas Linhas de ônibus, Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), Sistema Rápido de Transporte (SRT) e a obrigatoriedade da presença de um cobrador são os destaques propostos no contrato de concessão que, após o processo licitatório, terá dois anos para o início da operação. O Executivo sugeriu ainda que, além da consulta pública prevista para o próximo dia 30 de junho, novas audiências sejam promovidas.

A ideia é ouvir as demandas da população que, de fato, utiliza o transporte público no município.

A audiência foi presidida, a convite do executivo, pelo vereador e presidente da Comissão de Transporte e Mobilidade Urbana, Cristiano Gelinho. A Prefeitura de Macaé foi representada pelo Secretário de Mobilidade Urbana, Carlos Roberto Lima Oliveira e sua equipe, composta por consultoria técnica, coordenação geral de transporte, jurídico, engenharia de trânsito e planejamento.

De acordo com o secretário Carlos Roberto Lima Oliveira, o contrato de concessão prevê, ainda, a reestruturação do transporte público municipal, a criação da rede noturna do coletivo, de serviços de classe executiva (com wifi, ar e cadeiras inclinadas) e, também, das linhas que operam no eixo analisado da Rodovia Amaral Peixoto (SRT). Implantação de sistema de informação, do Centro de Controle Operacional (CTA) e do bilhete único de integração, além da modernização e expansão das estações e terminais.

"O VLT atenderá com estações entre Lagomar e Parque de Tubos, além da integração direta com o Terminal Central. A atual frota de 144 ônibus será mantida, mas com modelos maiores, aumentando a capacidade de transporte. Hoje, a capacidade é de 69 passageiros por veículo. A ideia é comportar 85 pessoas no coletivo. Essa é uma das ações para diminuir o tempo de espera nos pontos", explicou o secretário, em resposta ao questionamento de um usuário), morador do bairro Ajuda de Cima.

A prefeitura promoverá no próximo dia 30 de junho, no Centro de Convenções Jornalista Roberto Marinho, consulta pública para as pessoas respondem se desejam ou não a continuidade da passagem a R$ 1, e se concordam ou não com a integração das duas composições do VLT na nova concessão do transporte de passageiros.Estarão aptos a participar da consulta pública os macaenses maiores de 16 anos que deverão apresentar Título de Eleitor registrado em Macaé, assim como um documento oficial com foto.

Busca

Acesso Rápido

Destaque