Crianças visitam exposição e levam brinquedos criativos para casa

2019-10-09 11:53:00 - Jornalista: Marilene Carvalho
Compartilhe:  
Foto: Rui Porto Filho - Arquivo Secom
Exposição 'Sons Oficina Criativa' fica no Centro Macaé de Cultura até sexta-feira, dia 11

A Secretaria Municipal de Cultura antecipou o calendário de festividades do Dia da Criança abrindo, na segunda-feira (7), a 'Sons Oficina Criativa', numa parceria com a Tom Escola de Música. Na exposição, instalada em uma das galerias do Centro Macaé de Cultura, com visitação até sexta-feira (11), estão brinquedos criativos e instrumentos musicais que a garotada pode levar pra casa. E o melhor, tudo muito colorido e feito com amor a partir de materiais recicláveis. O propósito é resgatar a antiga arte de brincar com base em conscientização e no conceito de sustentabilidade.

O projeto Sons Oficina Criativa é desenvolvido por Patrícia Lima na Tom Escola de Música. A proposta já foi levada para escolas públicas do município a fim de motivar outros professores a criarem oficinas em salas de aula. No processo deste trabalho social com os recicláveis, várias pontes vão sendo construídas. Nas escolas, as peças são apresentadas ainda desestruturadas, só nas exposições são feitas as doações dos brinquedos prontos. É provável que o estoque exposto no Centro Macaé de Cultura termine antes de sexta-feira, e com isso, nesse dia, a criançada vai colocar a mão na massa para fazer seus próprios brinquedos na oficina. Mais de 70 crianças já visitaram a mostra.

“Ao trabalhar o projeto, pensamos nas crianças como um todo, visando contribuir para o desenvolvimento de suas habilidades sensoriais, motoras e com abertura de espaço para despertar a criatividade, respeitando o potencial de cada uma delas. A ideia é socializar usando estímulos construtivos associados à brincadeira”, explica Patrícia Lima, que conduz workshops e também oferece palestras que podem ser agendadas por escolas ou grupos de profissionais interessados em orientações.

O Centro Macaé de Cultura fica à Avenida Rui Barbosa, 780, Centro. A entrada na exposição é gratuita.

Busca

Acesso Rápido

Destaque