Enem: provas foram adiadas, mas as inscrições vão até esta sexta

2020-05-21 14:57:00 - Jornalista: Elis Regina Nuffer
Compartilhe:  
Foto: Print screen
A taxa de inscrição custa R$ 85,00 e pode ser paga até o dia 28 de maio em bancos, casas lotéricas e agências dos Correios

O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) decidiram pelo adiamento da aplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nas versões impressa e digital em 30 a 60 dias em relação às datas originalmente previstas nos editais. No entanto, o prazo para se inscrever no Enem está mantido e termina às 23h59 desta sexta-feira (22) no site: https://enem.inep.gov.br/. A taxa de inscrição custa R$ 85,00 e pode ser paga até o dia 28 de maio em bancos, casas lotéricas e agências dos Correios.

Em Macaé, alunos do terceiro ano do Colégio de Aplicação (CAp) e do Pré-Vestibular Social (Pré-Vest), ambos da Prefeitura de Macaé, que querem uma vaga em uma universidade, continuam se dedicando com o ensino a distância. No entanto, o adia Enem é uma questão de justiça social, como disseram a diretora do CAp, professora, Wanessa Leal, e o coordenador do Programa Pré-Vestibular, professor Reginaldo Moraes.

No entendimento deles, enquanto professores e gestores, preocupados com que o conhecimento chegue a todos os alunos ao mesmo tempo, o adiamento do Enem foi necessário. “’Os estudantes não estão em igualdade de condições nesta situação e as atividades a distância não solucionam o problema da suspensão das aulas, pois muitos jovens da rede pública sequer têm acesso às ferramentas necessárias para as atividades virtuais, o que privilegiaria uns em detrimento de outros em qualquer processo seletivo. Adiar o Enem foi uma questão de justiça social. Pensar no coletivo sempre foi uma bandeira do CAp e não abriremos mão deste papel”, justificou a diretora.

"Devido à pandemia, tínhamos essa esperança do adiamento do Enem; estávamos torcendo para isso" , destacou Moraes. Segundo ele, em relação ao processo do Pré-Vest, as aulas online estão prosseguindo com utilização de três plataformas a fim de absorver o maior número de alunos com atividades e interação com os professores, a exemplo do CAp. “Estamos com uma média de 165 alunos focados, cuja participação tem sido bastante satisfatória”, observou Moraes. Como Leal, ele também acrescentou o fato de nem todos os alunos terem acesso à Internet e suas ferramentas de estudos.

Tanto CAp quanto Pré-Vestibular esperam o fim deste momento de pandemia para que as aulas presenciais retornem. Enquanto isto, os alunos que querem uma vaga em uma universidade pública precisam se inscrever no Enem e não podem perder o prazo da inscrição que termina amanhã (sexta, 22).

O MEC e o Inep divulgaram nota de esclarecimento sobre o adiamento explicando que estão “Atentos às demandas da sociedade e manifestações do Poder Legislativo em função do impacto da pandemia do coronavírus no Enem 2020”, por isto decidiram por novo prazo para aplicação das provas. Para tanto, o Inep promoverá uma enquete junto aos inscritos para o Enem 2020, a ser realizada em junho, por meio da Página do Participante.

Busca

Acesso Rápido

Destaque