Projeto de alunos macaenses vence em Feira Estadual

2005-11-11 12:25:00 - Jornalista: Sérgio Lopes
Compartilhe:  

O Projeto de Biodiesel, apresentado na I Feira de Ciências das Escolas Municipais de Macaé, pelos alunos da Unidade de Ensino Descentralizada de Macaé (UNED/Macaé), foi o grande vencedor na categoria Ciências Exatas, na Feira Estadual de Ciências e Tecnologia e Informação (FECTI). O evento foi realizado, no último fim de semana, no Museu da República, no Estado do Rio de Janeiro.

De acordo com o secretário municipal de Ciência e Tecnologia, Guilherme Jordan, essa vitória vai engrandecer muito mais as próximas Feiras de Ciência e Tecnologia do município. “Foi uma vitória significativa para nossa cidade. Estaremos realizando todos os anos as nossas Feiras”, conta Jordan.

A viagem teve o apoio da Prefeitura, através da Secretaria de Ciência e Tecnologia, e do CEFET/UNED-Macaé, além da dedicação da professora Margarida Lourenço Castello. O trabalho vencedor foi confeccionado pelos alunos Laís de Souza Ferreira, Adonis Gomes de Farias Paz e Bruno Damaceno de Souza.

O assessor especial da Secretaria, Marcelo Machado, esteve visitando a Feira Estadual e ficou impressionado com a qualidade dos trabalhos apresentados. “Ficamos muito feliz com o resultado do trabalho dos alunos da professora Margarida Castello. Para o próximo ano estaremos organizando uma fase a mais para as feiras do município, desta forma aumentaremos a qualidade dos trabalhos. Com certeza colheremos ótimos frutos no futuro”, garante Marcelo.

O Projeto Biodiesel - O projeto nasceu de uma discussão entre os alunos durante as aulas de química na Uned/Macaé, ministrada pela professora Margarida Castello, que também é engenheira química. O grupo passou a se reunir periodicamente no laboratório da escola e desde 2004 vem desenvolvendo a pesquisa na produção do biodiesel como combustível alternativo. Os alunos produziram no laboratório óleo de girassol, óleo de soja e outros. A pesquisa demonstrou que o óleo vegetal é melhor que o óleo animal.

O projeto teve várias frentes de trabalhos em áreas distintas como regulamentação, produção (química); impactos ambientais e criação de um pólo de pesquisa em combustível alternativo. Por onde passa o projeto biodiesel recebe adesões e sugestões de especialistas. Durante a FECTI a exposição do processo químico, chamou a atenção de grupos especializados em produção do biodiesel.

Busca

Acesso Rápido

Destaque